Roteirista defende cena de suicídio em '13 Reasons Why'

'Parecia a oportunidade perfeita para mostrar como o suicídio realmente é', escreveu Nic Sheff em carta aberta


Hannah Baker é interpretada pela atriz Katherine Langford. (foto: Netflix/Reprodução)

A série original da Netflix, 13 Reasons Why, se tornou alvo de críticas desde seu lançamento por conta de uma cena explícita que retrata o suicídio da protagonista Hannah Baker, interpretada pela atriz Katherine Langford. Na última quarta-feira, 19, um dos roteiristas da produção publicou uma carta aberta na revista Vanity Fair em defesa da presença da cena na produção. 

''Parecia a oportunidade perfeita para mostrar como o suicídio realmente é, para acabar com esse mito do adormecimento silencioso, para fazer os telespectadores encararem a realidade do que acontece quando você pula de um prédio em chamas para algo muito, muito pior'', escreveu Nic Sheff. O escritor conta que teve problemas com vício e tentou tirar a própria vida no passado e que sua vivência contribuiu na decisão de mostrar a morte de Hannah. 

''Parece que a coisa mais irresponsável que poderíamos ter feito seria não mostrar nada da morte'', escreveu Sheff. ''Nos Alcoólicos Anônimos, eles chamam isso de rodar a fita: encorajar os alcoólicos a realmente pensar, em detalhes, na sequência exata de eventos que vai acontecer se eles recaírem. É a mesma coisa com o suicídio. Rodar a fita até o fim é perceber que o suicídio não é, de forma alguma, um alívio - é um horror agonizante, gritante''. 

O roteirista também afirma que a discussão levantada pela série representa ''um progresso'' e lembrou o slogan ''silêncio igual a morte'', que se popularizou nos anos 1980. ''Quando se fala de suicídio, acredito que a mensagem deva ser a mesma. Encarar esses assuntos de frente - falando sobre eles, sendo franco - será sempre a nossa melhor defesa contra a perda de mais uma vida''. 

Por fim, Nic Sheff reitera que acredita que a série tomou a decisão certa. ''Há muitos motivos pelos quais eu tenho orgulho de ter trabalhado em 13 Reasons Why. Mas o que me deixa mais orgulhoso, honestamente, é a forma como decidimos retratar o suicídio de Hannah, como Bryan Yorkey o escreveu e Kyle Alvarez o dirigiu. Eu apoio 100% o que fizemos. Sei que foi correto porque a minha própria vida foi salva quando a verdade sobre o suicídio foi exposta para mim em todo o seu horror - e realidade''. 

Fonte: Uai


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Entretenimento

mais notícias

Emma Stone é a atriz mais bem paga do mundo em 2017
há 13 horas atrás

Emma Stone é a atriz mais bem paga do mundo em 2017

Emma Stone é a atriz mais bem paga do mundo em 2017
Netflix provoca HBO após exibição acidental de 'Game of thrones'
há 15 horas atrás

Netflix provoca HBO após exibição acidental de 'Game of thrones'

Netflix provoca HBO após exibição acidental de 'Game of thrones'
Após ser dispensada pela Globo, Carolina Ferraz participa de programa no SBT
há 15 horas atrás

Após ser dispensada pela Globo, Carolina Ferraz participa de programa no SBT

Após ser dispensada pela Globo, Carolina Ferraz participa de programa no SBT
Youtubers brasileiros são homenageados em exposição
há 15 horas atrás

Youtubers brasileiros são homenageados em exposição

Youtubers brasileiros são homenageados em exposição
MinC divulga lista dos jurados da Comissão Especial do Oscar
há 15 horas atrás

MinC divulga lista dos jurados da Comissão Especial do Oscar

MinC divulga lista dos jurados da Comissão Especial do Oscar
Câmara Municipal de Ibitinga