Explosão de carro-bomba em Bagdá deixa pelo menos 18 mortos

Tudo indica que o Estado Islâmico está por trás do atentado.


Pelo menos 18 pessoas morreram e 35 ficaram feridas pela explosão de um carro-bomba em um mercado popular da capital do Iraque, informou à agência EFE uma fonte de segurança.

A explosão foi no bairro de Amel, situado no sudoeste de Bagdá, palco de frequentes atentados terroristas suicidas e com carro-bomba.

Os xiitas costumam ser alvo de ataques do grupo terrorista Estado Islâmico (EI), contra o qual as forças iraquianas empreendem uma ampla ofensiva na cidade de Mossul, principal bastião jihadista no norte do Iraque.

A agência de notícias Amaq, vinculada ao EI, informou a explosão de um carro-bomba "contra um agrupamento de xiitas" em Amel.

A Amaq não ofereceu mais detalhes, mas tudo indiga que o EI está por trás do atentado.

 

Fonte: G1


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Nacional e Internacional

mais notícias

Anvisa inclui 12 novas substâncias em suas listas de entorpecentes e psicotrópicos
há 9 horas atrás

Anvisa inclui 12 novas substâncias em suas listas de entorpecentes e psicotrópicos

Anvisa inclui 12 novas substâncias em suas listas de entorpecentes e psicotrópicos
Após surto, países exigem vacinação contra febre amarela
há 9 horas atrás

Após surto, países exigem vacinação contra febre amarela

Após surto, países exigem vacinação contra febre amarela
Com dólar mais baixo, gasto de brasileiros no exterior sobe 75% no 1º bimestre
há 9 horas atrás

Com dólar mais baixo, gasto de brasileiros no exterior sobe 75% no 1º bimestre

Com dólar mais baixo, gasto de brasileiros no exterior sobe 75% no 1º bimestre
Meteorito modificou campo magnético da Terra, diz agência
há 9 horas atrás

Meteorito modificou campo magnético da Terra, diz agência

Meteorito modificou campo magnético da Terra, diz agência
ONG médica denuncia 273 ataques aéreos a hospitais na Síria em 2016
há 10 horas atrás

ONG médica denuncia 273 ataques aéreos a hospitais na Síria em 2016

ONG médica denuncia 273 ataques aéreos a hospitais na Síria em 2016
Câmara Municipal de Ibitinga