Estratégico, Jan Blachowicz vence Israel Adesanya e defende título dos meio-pesados no UFC 259

Estratégico, Jan Blachowicz vence Israel Adesanya e defende título dos meio-pesados no UFC 259

Compartilhe:

Com estratégia bem definida e inteligência na hora de usar seu peso maior diante do campeão da categoria de baixo, Jan Blachowicz venceu Israel Adesanya por decisão unânime (49-46, 49-45 e 49-45) na luta principal do UFC 259, na madrugada deste sábado para domingo, em Las Vegas (EUA). Com o resultado, o polonês mantém o cinturão do peso-meio-pesado (até 93kg) e impõe ao nigeriano sua primeira derrota na carreira em 21 combates.

A tendência agora é que o brasileiro Glover Teixeira, que foi escalado como reserva para esta luta, seja o próximo desafiante ao título de Blachowicz.

Jan Blachowicz venceu Israel Adesanya por decisão unânime (49-46, 49-45 e 49-45) — Foto: Getty Images

Jan Blachowicz venceu Israel Adesanya por decisão unânime (49-46, 49-45 e 49-45) — Foto: Getty Images

A luta

Com muitas fintas e trocas de base, Adesanya iniciou melhor a luta. Ainda que sem muita contundência, era o nigeriano quem acertava mais ataques, enquanto o polonês parecia tentar entender a movimentação do rival nos primeiros momentos. Blachowicz tentou se soltar no minuto final do round, mas Adesanya se defendeu bem.

Adesanya voltou mais agressivo e acertou alguns chutes no campeão, mas Blachowicz respondeu com uma boa combinação. O polonês tentou uma queda e quase levou a luta para o solo, mas o desafiante conseguiu rechaçar a investida. O nigeriano caminhou mais para a frente, mas Blachowicz encontrou melhor a distância e forçou o oponente a recuar em certos momentos.

O terceiro round começou agitado. Blachowicz colocou uma blitz no nigeriano, acertou bons golpes, tentou colocar para baixo, ameaçou um mata-leão e pé, mas Adesanya escapou e reagiu com uma combinação na curta distância. O polonês buscou o clinche, mas o desafiante se desvencilhou. Adesanya tomava mais a iniciativa, mas Blachowicz equilibrava as ações com contragolpes perigosos.

Jan Blachowicz venceu Israel Adesanya por decisão unânime (49-46, 49-45 e 49-45) — Foto: Getty Images

Jan Blachowicz venceu Israel Adesanya por decisão unânime (49-46, 49-45 e 49-45) — Foto: Getty Images

O campeão voltou para o quarto assalto disputando mais o centro do octógono e encontrou mais o rosto de Adesanya. Com cerca de três minutos para o fim, Blachowicz aplicou a queda e caiu na guarda do rival. O polonês ganhou a meia-guarda e trabalhou golpes curtos, sem dar muito espaço para o nigeriano ficar de pé. Blachowicz ainda chegou a passar a guarda e ficar na posição de 100kg, mas voltou para a meia e controlou bem o fim do round.

Adesanya entrou melhor no quinto assalto e mostrou-se veloz na esquiva e nos ataques, no entanto, na metade do round, Blachowicz conseguiu outra queda. O polonês ganhou a meia-guarda e usou bem seu peso para não dar espaço para o desafiante. Com golpes curtos, ele levou a luta por cima com inteligência.

UFC 259
6 de março de 2021, em Las Vegas (EUA)
CARD PRINCIPAL:
Jan Blachowicz venceu Israel Adesanya por decisão unânime (49-46, 49-45 e 49-45)
Amanda Nunes venceu Megan Anderson por finalização aos 2m03s do R1
Aljamain Sterling venceu Petr Yan por desclassificação aos 4m29s do R4
Islam Makhachev venceu Drew Dober por finalização a 1m37s do R3
Aleksandar Rakic venceu Thiago Marreta por decisão unânime (29-28, 29-28 e 30-27)
CARD PRELIMINAR:
Dominick Cruz venceu Casey Kenney por decisão dividida (28-29, 29-28 e 30-27)
Kyler Phillips venceu Song Yadong por decisão unânime (triplo 30-27)
Askar Askarov venceu Joseph Benavidez por decisão unânime (30-27, 30-27 e 30-26)
Kai Kara-France venceu Rogério Bontorin por nocaute técnico aos 4m55s do R1
Tim Elliott venceu Jordan Espinosa por decisão unânime (30-27, 30-27 e 30-25)
Kennedy Nzechukwu venceu Carlos Ulberg por nocaute técnico aos 3m19s do R2
Sean Brady venceu Jake Matthews por finalização aos 3m28s do R3
Amanda Lemos venceu Livinha Souza por nocaute técnico aos 3m39s do R1
Uros Medic venceu Aalon Cruz por nocaute técnico a 1m40s do R1
Trevin Jones venceu Mario Bautista por nocaute técnico aos 47s do R2

Fonte:https://globoesporte.globo.com/combate/noticia/estrategico-jan-blachowicz-vence-israel-adesanya-e-defende-titulo-dos-meio-pesados-no-ufc-259.ghtml

Compartilhe:

Comentários (0)

silhueta de um avatar

Escreva seu cometário...

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Publicidade

Mais notícias sobre Esportes

Defensa y Justicia vence o Palmeiras nos pênaltis e é campeão da Recopa

Defensa y Justicia vence o Palmeiras nos pênaltis e é campeão da Recopa

Defensa y Justicia vence o Palmeiras nos pênaltis e é campeão da Recopa

Confira os resultados da rodada da Liga dos Campeões

Confira os resultados da rodada da Liga dos Campeões

Confira os resultados da rodada da Copa Sul-Americana, Copa do Brasil e Libertadores

Confira os resultados da rodada da Copa Sul-Americana, Copa do Brasil e Libertadores

Confira os resultados da rodada dos Estaduais

Confira os resultados da rodada dos Estaduais

Mais notícias sobre Esportes

Defensa y Justicia vence o Palmeiras nos pênaltis e é campeão da Recopa

Defensa y Justicia vence o Palmeiras nos pênaltis e é campeão da Recopa

Defensa y Justicia vence o Palmeiras nos pênaltis e é campeão da Recopa

Confira os resultados da rodada da Liga dos Campeões

Confira os resultados da rodada da Liga dos Campeões

Confira os resultados da rodada da Copa Sul-Americana, Copa do Brasil e Libertadores

Confira os resultados da rodada da Copa Sul-Americana, Copa do Brasil e Libertadores

Confira os resultados da rodada dos Estaduais

Confira os resultados da rodada dos Estaduais

Publicidade