Logo Portal Ternura
01/04 - IBITINGA-SP
° °

Amazon lidera, Google sobe, Apple cai: as marcas mais valiosas do ano

A rede varejista de Bezos é a primeira empresa a exceder a marca de 200 bilhões; bancos brasileiros dominam as 500 mais valiosas.



Amazon (NurPhoto / Colaborador/Getty Images)
 

O pódio das 500 marcas mais valiosas do mundo chega a ser um pouco previsível: em primeiro a Amazon, de Jeff Bezos – o homem mais rico do mundo – com 221 bilhões de dólares em valor de marca e mantendo-se líder pelo terceiro ano consecutivo. Em segundo o Google, que subiu uma posição, com 160 bilhões de dólares, seguido pela Apple, em terceiro, com 140 bilhões de dólares.

Os dados fazem parte de um estudo da Brand Finance, consultoria de avaliação de negócios, para o ano de 2020 e traz um número histórico: a varejista de Bezos é também a primeira a exceder a marca de 200 bilhões.

A maioria das empresas presentes no relatório são dos Estados Unidos (45,42%), da China (18,91%) e do Japão (6,85%). O Brasil não aparece na lista dos nove países com mais empresas.

Parte delas também são do setor de tecnologia (14%), seguida por bancos (13,1%) e varejo (11,3%).

Para realizar o estudo, a Brand Finance analisa os investimentos em marketing, patrimônio e contribuições para o desempenho financeiro. É também o ranking mais respeitado do mundo, sendo usado por investidores, empresas e empresários para definir estratégias e ações.

As 20 maiores

Amazon US$ 220,791 bi
Google US$ 159,722 bi
Apple US$ 140,524 bi
Microsoft US$ 117,072 bi
Samsung Group US$ 94,494 bi
ICBC US$ 80,791 bi
Facebook US$ 79,804 bi
Walmart US$ 77,520 bi
Ping An US$ 69,041 bi
Huawei US$ 65,084 bi
Mercedes-Benz US$ 65,041 bi
Verizon US$ 63,692 bi
China Construction Bank US$ 62,602 bi
AT&T US$ 59,103 bi
Toyota US$ 58,076 bi
State Grid US$ 56,965 bi
Disney US$ 56,123 bi
Agricultural Bank Of China US$ 54,658 bi
WeChat US$ 54,146
Bank of China US$ 50,630

 

E as brasileiras?
 

 

Ao todo, 500 marcas foram avaliadas. No Brasil, as marcas mais valiosas parecem estar concentradas nos grandes bancos. A primeira brasileira a aparecer na lista é o Itáu, na 298ª posição. O Bradesco ocupa a 308ª, a Caixa Econômica Federal a 428ª posição e o Banco do Brasil a 461ª.

 

 

Fonte: EXAME


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Nacional e Internacional

mais notícias

Deputado federal Luiz Flávio Gomes morre aos 62 anos em SP
há 5 horas atrás

Deputado federal Luiz Flávio Gomes morre aos 62 anos em SP

Deputado federal Luiz Flávio Gomes morre aos 62 anos em SP
Japão está 'no limite' no combate ao coronavírus, dizem autoridades
há 7 horas atrás

Japão está 'no limite' no combate ao coronavírus, dizem autoridades

Japão está 'no limite' no combate ao coronavírus, dizem autoridades
Qualidade do ar melhora no Rio com isolamento social
há 7 horas atrás

Qualidade do ar melhora no Rio com isolamento social

Qualidade do ar melhora no Rio com isolamento social
UE propõe jornada de trabalho reduzida para evitar demissões
há 8 horas atrás

UE propõe jornada de trabalho reduzida para evitar demissões

UE propõe jornada de trabalho reduzida para evitar demissões
Ação do governo barra alta de remédios que passaria a valer hoje
há 8 horas atrás

Ação do governo barra alta de remédios que passaria a valer hoje

Ação do governo barra alta de remédios que passaria a valer hoje