Logo Portal Ternura
01/04 - IBITINGA-SP
° °

Cidade de SP tem aumento de homicídios, latrocínios e estupros em janeiro


A Capital de São Paulo registrou em janeiro deste ano aumento no número de homicídios, latrocínios e estupros em relação ao mesmo período do ano passado, revelam dados divulgados nesta segunda-feira (24) pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

Houve aumento no número de casos e nas vítimas de homicídio doloso em janeiro deste ano na cidade de São Paulo, com 67 casos e 70 vítimas. Em janeiro de 2019 foram 55 ocorrências de mortes intencionais, com total de 56 vítimas.

A tendência de alta se estendeu para os latrocínios, que teve dois boletins e duas vítimas a mais em janeiro deste ano, ante seis casos com seis vítimas em janeiro de 2019. Nos estupros, o aumento foi de 24 casos, totalizando 238 boletins.

Em compensação, não houve sequestros na Capital em janeiro pelo segundo ano consecutivo.
 

Zero roubos a bancos no Estado
 

Pela primeira vez desde que as estatísticas são divulgados, o estado de São Paulo não registrou casos de roubo a banco em janeiro, ante uma ocorrência no mesmo período do ano anterior.
 

No Estado homicídios caem
 

O estado de São Paulo registrou redução nos casos e vítimas de homicídios dolosos (com intenção de matar). O número de boletins de ocorrência de mortes intencionais caiu de 270 para 263, comparando janeiro de 2020 com o mesmo período de 2019. Na Capital, entretanto, o número de homicídios aumentou no mesmo período.

O estado de São Paulo registrou queda nos casos e vítimas de homicídios dolosos (com intenção de matar). O número de boletins de ocorrência de mortes intencionais caiu de 270 para 263, comparando janeiro de 2020 e o mesmo período do ano passado.

No total do estado, o número de vítimas de homicídio doloso caiu de 284 para 276 - a menor quantidade da série histórica, iniciada em 2001, para o mês de janeiro.
 

Latrocínios sobem
 

No entanto, os casos e as vítimas de latrocínios - roubo seguido de morte - cresceram, ambos aumentaram de 17 para 18. Os dados são da Secretaria de Segurança Pública do estado.

Em janeiro, houve cinco ocorrências a menos de estupro, passando de 1.071, em janeiro de 2019, para 1.066, em janeiro de 2020.
 

Furtos e roubos
 

Os roubos em geral subiram 14,3% em janeiro deste ano, com 23.997 ocorrências no total. Já os roubos de carga tiveram queda, passando de 610 para 595 de janeiro do ano passado para janeiro deste ano. O mesmo ocorreu com os roubos de veículo, que caíram 7,2% (de 3.948 para 3.662), a menor quantidade da série histórica para o período.

No período, os furtos em geral caíram 3,1%, passando de 45.163 para 43.784 - 1.379 casos a menos. Já os furtos de veículos tiveram 163 registros a mais na comparação com janeiro de 2019.

* Com informações da Agência Brasil

 

 

Fonte: UOL


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Nacional e Internacional

mais notícias

Deputado federal Luiz Flávio Gomes morre aos 62 anos em SP
há 7 horas atrás

Deputado federal Luiz Flávio Gomes morre aos 62 anos em SP

Deputado federal Luiz Flávio Gomes morre aos 62 anos em SP
Japão está 'no limite' no combate ao coronavírus, dizem autoridades
há 9 horas atrás

Japão está 'no limite' no combate ao coronavírus, dizem autoridades

Japão está 'no limite' no combate ao coronavírus, dizem autoridades
Qualidade do ar melhora no Rio com isolamento social
há 9 horas atrás

Qualidade do ar melhora no Rio com isolamento social

Qualidade do ar melhora no Rio com isolamento social
UE propõe jornada de trabalho reduzida para evitar demissões
há 9 horas atrás

UE propõe jornada de trabalho reduzida para evitar demissões

UE propõe jornada de trabalho reduzida para evitar demissões
Ação do governo barra alta de remédios que passaria a valer hoje
há 10 horas atrás

Ação do governo barra alta de remédios que passaria a valer hoje

Ação do governo barra alta de remédios que passaria a valer hoje