Logo Portal Ternura
19/09 - IBITINGA-SP
° °

Funcionários dos Correios entram em greve

Categoria quer impedir a redução dos salários e de benefícios, e é contra a privatização da estatal.


Os funcionários dos Correios entraram em greve geral por tempo indeterminado. A greve foi decretada na noite de terça-feira (10) em assembleias realizadas em diferentes estados do país.

A categoria quer impedir a redução dos salários e de benefícios, e é contra a privatização da estatal, que foi incluída no mês passado no programa de privatizações do governo Bolsonaro.

O reajuste salarial de 0,8% é um dos principais pontos reclamados pela categoria. No entanto, os trabalhadores querem também a reconsideração quanto a retirada de pais e mães do plano de saúde, melhores condições de trabalho e outros benefícios.

"A decisão foi uma exigência para defender os direitos conquistados em anos de lutas, os salários, os empregos, a estatal pública e o sustento da família", afirmou em nota a Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios (Findect).

Em nota em sua página na internet, a federação informou que a greve foi decretada em São Paulo, Rio de Janeiro, Tocantins, Maranhão e na maioria dos estados do país.

G1 procurou os Correios e aguarda o posicionamento da estatal sobre a paralisação.

 

Rio de Janeiro

 

Na capital fluminense, funcionários dos Correios do Rio fazem uma manifestação nesta quarta-feira (11), na porta do Centro de Tratamento de Encomendas em Benfica, na Zona Norte.

Policiais militares do 22º batalhão (Maré) acompanham o protesto e tentam impedir que os manifestantes interditem o trânsito na Rua Leopoldo Bulhões, em frente ao Centro de Distribuição. Os grevistas já atravessaram os caminhões na via para impedir a entrada e saída de encomendas.

Servidores dos Correios no Maranhão deflagraram greve após assembleia geral — Foto: Divulgação / Sintect-MA
Servidores dos Correios no Maranhão deflagraram greve após assembleia geral — Foto: Divulgação / Sintect-MA

 

Maranhão

 

Em São Luís, os servidores dos Correios aprovaram a greve em assembleia geral realizada na sede administrativa do sindicato da categoria (SINTECT-MA), no bairro Radional, em São Luís.

Como parte do movimento grevista, o sindicato anunciou um seminário das 8h30 as 16h desta quarta-feira na sede do Sindicato dos Bancários, na Rua do Sol, no Centro de São Luís. O assunto em destaque será sobre a possibilidade de privatização da empresa.

 

Fonte: G1


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Nacional e Internacional

mais notícias

PGR defende que pente-fino do INSS é inconstitucional
há 9 horas atrás

PGR defende que pente-fino do INSS é inconstitucional

PGR defende que pente-fino do INSS é inconstitucional
Fuvest 2020: inscrições para o vestibular da USP terminam ao meio-dia desta sexta
há 10 horas atrás

Fuvest 2020: inscrições para o vestibular da USP terminam ao meio-dia desta sexta

Fuvest 2020: inscrições para o vestibular da USP terminam ao meio-dia desta sexta
Grupo de assessores do PT na Câmara leva prêmio de R$ 120 milhões da Mega-Sena
há 10 horas atrás

Grupo de assessores do PT na Câmara leva prêmio de R$ 120 milhões da Mega-Sena

Grupo de assessores do PT na Câmara leva prêmio de R$ 120 milhões da Mega-Sena
Calendário PIS-Pasep 2019-2020: pagamento de abono salarial para nascidos em setembro começa nesta q
há 10 horas atrás

Calendário PIS-Pasep 2019-2020: pagamento de abono salarial para nascidos em setembro começa nesta q

Calendário PIS-Pasep 2019-2020: pagamento de abono salarial para nascidos em setembro começa nesta quinta
Governo Federal lança campanha de valorização da vida
há 1 dia atrás

Governo Federal lança campanha de valorização da vida

Governo Federal lança campanha de valorização da vida