Logo Portal Ternura
21/02 - IBITINGA-SP
° °

Harry e Meghan deixarão de usar o título de 'alteza real'

Duque e duquesa de Sussex também disseram que não vão mais receber dinheiro público. Mudanças passam a valer no final de março.


O Palácio de Buckingham anunciou no sábado (18) que o príncipe Harry e sua mulher, Meghan Markle — duque e duquesa de Sussex — não vão mais utilizar o título de "alteza real". Além disso, deixarão de receber dinheiro público para os chamados "deveres reais".

No comunicado deste sábado, o Palácio de Buckingham afirmou que as mudanças valem a partir do fim de março deste ano.

A nota possui um trecho assinado pela rainha Elizabeth, de 93 anos. Ela afirma que "Harry, Meghan e Archie sempre serão membros muito amados da minha família". A monarca ainda agradeceu "por todo o trabalho dedicado em todo o país, na Commonwealth e além dela", e diz que está "particularmente orgulhosa de como Meghan se tornou tão rapidamente um membro da família."

O trecho assinado pelo Palácio de Buckingham reforça que "embora não possam mais representar formalmente a rainha, os Sussex deixaram claro que tudo o que fizerem continuará a defender os valores de Sua Majestade", e que "são gratos à Sua Majestade e à família real por seu apoio contínuo enquanto embarcam no próximo capítulo de suas vidas".

Harry e Meghan ainda deverão reembolsar o governo britânico pelos custos da reforma da residência na qual viviam. As obras foram orçadas em 2,4 milhões de libras, ou R$ 11,6 milhões.

Por fim, o Palácio de Buckingham não esclareceu como será o esquema de segurança para o duque e a duquesa de Sussex. "Existem processos independentes bem estabelecidos para determinar a necessidade de segurança com financiamento público", disse a nota.

 

Independência financeira

 

Camilla, duquesa de Cornwall, Elizabeth II, rainha da Inglaterra, Meghan, duquesa de Sussex, Harry, duque de Sussex e o príncipe William durante evento da Força Aérea Real britânica, em 10 de julho de 2018 — Foto: Tolga Akmen / AFP
Camilla, duquesa de Cornwall, Elizabeth II, rainha da Inglaterra, Meghan, duquesa de Sussex, Harry, duque de Sussex e o príncipe William durante evento da Força Aérea Real britânica, em 10 de julho de 2018 — Foto: Tolga Akmen / AFP

 

No último dia 8 de janeiro, o duque e a duquesa de Sussex anunciaram que iriam deixar a função de 'membros seniores' da família real para buscar a independência financeira.

Na última segunda-feira (14), após uma reunião de família na residência real de Sandringham, no leste da Inglaterra, a rainha Elizabeth concordou com seu filho Charles - herdeiro do trono – seus dois filhos - William e Harry - em realizar um período de transição para que o príncipe possa abandonar gradualmente seu papel de primeiro plano na realeza.

O casal alegou se sentir desconfortável com a pressão da mídia e disse que pretende abandonar seu papel de membros de primeira classe da família real, modificar seu relacionamento com a imprensa, dividir seu tempo entre Reino Unido e América do Norte e ser financeiramente independente.

Meghan ex-atriz americana de 38 anos que deixou sua carreira quando se casou com Harry em 2018, viajou para o Canadá na semana passada e reencontrou o pequeno Archie, filho do casal. A ex-atriz morou no país por causa da série de televisão "Suits", na qual trabalhava.

Leia na íntegra o comunicado do Palácio de Buckingham:

Declaração de Sua Majestade, a rainha

Após muitos meses de conversas e discussões mais recentes, congratulo-me por termos encontrado juntos um caminho construtivo e solidário para meu neto e sua família.

Harry, Meghan e Archie sempre serão membros muito amados da minha família.

Reconheço os desafios que enfrentaram como resultado de intenso escrutínio nos últimos dois anos e apoio o desejo de uma vida mais independente.

Quero agradecer a eles por todo o seu trabalho dedicado em todo o país, na Commonwealth e além dela, e estou particularmente orgulhoso de como Meghan se tornou tão rapidamente um membro da família.

É a esperança de toda a minha família que o acordo de hoje lhes permita começar a construir uma nova vida feliz e pacífica.

FIM

Declaração do Palácio de Buckingham

O duque e a duquesa de Sussex são gratos à Sua Majestade e à Família Real por seu apoio contínuo enquanto embarcam no próximo capítulo de suas vidas.

Conforme acordado neste novo arranjo, eles entendem que são obrigados a se afastar dos deveres reais, incluindo as nomeações militares oficiais. Eles não receberão mais fundos públicos para os deveres reais.

Com a bênção da rainha, os Sussex continuarão mantendo seus patrocínios e associações particulares. Embora não possam mais representar formalmente a rainha, os Sussex deixaram claro que tudo o que fizerem continuará a defender os valores de Sua Majestade.

Os Sussexes não usarão seus títulos de Sua Alteza Real, pois não são mais membros da Família Real.

O duque e a duquesa de Sussex compartilharam seu desejo de reembolsar as despesas do Sovereign Grant pela reforma do Frogmore Cottage, que continuará sendo sua casa familiar no Reino Unido.

O Palácio de Buckingham não comenta os detalhes dos arranjos de segurança. Existem processos independentes bem estabelecidos para determinar a necessidade de segurança com financiamento público.

Este novo modelo entrará em vigor na primavera de 2020.

 

Fonte: G1


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Nacional e Internacional

mais notícias

Morrem dois passageiros com coronavírus do navio em quarentena no Japão
há 18 horas atrás

Morrem dois passageiros com coronavírus do navio em quarentena no Japão

Morrem dois passageiros com coronavírus do navio em quarentena no Japão
Maia cria comissão para analisar reforma da Previdência dos militares
há 20 horas atrás

Maia cria comissão para analisar reforma da Previdência dos militares

Maia cria comissão para analisar reforma da Previdência dos militares
Receita antecipa restituição do imposto de renda
há 20 horas atrás

Receita antecipa restituição do imposto de renda

Receita antecipa restituição do imposto de renda
Imagens de CPI indicam disparo ilegal de mensagens pelo WhatsApp
há 20 horas atrás

Imagens de CPI indicam disparo ilegal de mensagens pelo WhatsApp

Imagens de CPI indicam disparo ilegal de mensagens pelo WhatsApp
Aplicativo 99 gera impacto de R$ 12 bilhões na economia
há 20 horas atrás

Aplicativo 99 gera impacto de R$ 12 bilhões na economia

Aplicativo 99 gera impacto de R$ 12 bilhões na economia