Logo Portal Ternura
22/06 - IBITINGA-SP
° °

Sai pato e entra sapo: Fiesp lança campanha contra juros altos

Ato começa nesta terça-feira, na Avenida Paulista



Com o slogan 'Chega de Engolir Sapo', FIESP promove ato em frente a sede na Av. Paulista com sapos inflaveis - Edilson Dantas / Agência O Globo
 

Um sapo inflável de cinco metros de altura faz sua estreia em ato contra os juros altos, nesta terça-feira, na Avenida Paulista. O mascote é o símbolo da campanha "chega de engolir sapos" lançada pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), pela baixa dos juros cobrados de empresas e consumidores.

No ato, a entidade deve distribuir pequenos sapos nas proximidades, além de adesivos e balões nas proximidades das agências bancárias da avenida.

A nova campanha da Fiesp ocorre no momento em que a taxa básica de juros básicos no Brasil, a Selic, está em seu patamar mais baixo. Atualmente, é de 6,75% ao ano, com expectativa de novo corte na semana que vem. Ela vem caindo desde outubro de 2016, quando estava em 14,25% ao ano.

Mas enquanto o juro básico caiu até mais que pela metade, o mesmo não acontece nas taxas pagas por consumidores e empresas, que recuam em velocidade menor. Um dos fatores é o spread (diferença entre a taxa de captação dos bancos, a Selic, e o efetivamente cobrado). Atualmente, o spread médio é de 19,7 pontos percentuais. Em outubro de 2016, era de 24 pontos percentuais. Ou seja, o recuo foi de apenas 4,3 pontos.

Com a campanha do sapo, a Fiesp deu uma folga ao pato inflável, que foi usado em seus últimos atos contra os impostos, assim como em protestos feitos no impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). A federação pondera que o pato pode voltar, caso o governo resolva aumentar impostos.

Criada em 2015, a campanha do pato contra os impostos chegou a coletar mais de 1 milhão de asssinaturas e conferiu projeção ao presidente da Fiesp, Paulo Skaf, que quer ser candidato ao governo de São Paulo. Skaf tem como um de seus principais fiadores e aliados o presidente Michel Temer.

A campanha do sapo, porém, cria uma saia justa com o governo, especialmente com o Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. O ministro tem trabalhado pela construção de sua candidatura ao Planalto, no chamado campo de "centro-direita". Temer, por sua vez, também não descarta uma candidatura. Coube a Elsinho Mouco, marqueteiro presidencial, lançar o nome de Temer à reeleição em entrevista ao GLOBO, no final do mês passado.

A Fiesp observa que a campanha faz críticas contra os juros cobrados pelos bancos e não contra o governo. Em nota, Skaf disse que o Brasil tem uma distorção nos juros:

"O lucro dos cinco maiores bancos (no ano passado) foi maior do que o resultado de todas as empresas de capital aberto no Brasil, que são 264 empresas. Ou seja, cinco bancos ganharam mais do que 264 empresas", informa a Fiesp.


Fonte: O Globo


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Nacional e Internacional

mais notícias

Pai de menina hondurenha na capa da revista Time diz que ela não foi separada da mãe
há 4 horas atrás

Pai de menina hondurenha na capa da revista Time diz que ela não foi separada da mãe

Pai de menina hondurenha na capa da revista Time diz que ela não foi separada da mãe
OAB vai à Justiça contra aumento na taxa de despacho de bagagens
há 4 horas atrás

OAB vai à Justiça contra aumento na taxa de despacho de bagagens

OAB vai à Justiça contra aumento na taxa de despacho de bagagens
Lula é o mais preparado para acelerar o crescimento da economia, diz eleitor
há 5 horas atrás

Lula é o mais preparado para acelerar o crescimento da economia, diz eleitor

Lula é o mais preparado para acelerar o crescimento da economia, diz eleitor
Cientistas descobrem composto que imobiliza célula do câncer e impede metástase
há 5 horas atrás

Cientistas descobrem composto que imobiliza célula do câncer e impede metástase

Cientistas descobrem composto que imobiliza célula do câncer e impede metástase
Justiça trabalhista bloqueia cartões de crédito de devedores
há 5 horas atrás

Justiça trabalhista bloqueia cartões de crédito de devedores

Justiça trabalhista bloqueia cartões de crédito de devedores