Temer irá avaliar a possibilidade de criar um Ministério da Segurança Pública, afirma Alberto Fraga


De acordo com o deputado federal Alberto Fraga, o presidente Michel Temer irá avaliar a possibilidade de criar um Ministério da Segurança Pública. Segundo ele, esta seria uma forma de conter a crise do sistema prisional, sem gerar custos adicionais, caso ele seja criado em substituição à Secretaria Nacional de Segurança Pública.

O Deputado federal, Alberto Fraga, Membro da Comissão de Segurança Pública da Câmara comenta: “Na verdade a gente quer uma transformação da Secretaria Nacional de Segurança Pública para o Ministério de Segurança Pública, com a mesma estrutura, com os mesmos cargos que lá existe. Apenas isto! Não tem nenhum impacto financeiro. O presidente da República não fechou a port. Disse que o assunto merece mais discussão. Ele não disse nem que sim nem que não. Só disse que o assunto merecia uma discussão. E é isto que nós vamos atrás”.

O ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira, disse que criar ou não um ministério não é um problema em si, o que importa são os recursos aplicados na área em questão. Segundo ele, o governo não deve decidir nada que ultrapasse a receita. Na proposta apresentada pela Frente Parlamentar, todos os órgãos de segurança pública, inclusive a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal, passariam a ficar sob responsabilidade do novo ministério.
Nesta quarta-feira o presidente Michel Temer se reuniu com o Núcleo de Infraestrutura do governo, no Palácio do Planalto, para passar dados de investimentos em segurança pública. No encontro, Temer falou sobre a necessidade de auxiliar os Estados e enfatizou a questão dos presídios brasileiros.

E para o Presidente da República, Michel Temer: “Nós temos que auxiliar os Estados, especialmente na questão penitenciária. Meu desejo é que daqui a alguns anos não haja necessidade de anunciar a construção de presídios, mas só escolas, postos de saúde, etc... Mas o Brasil ainda tem um longo caminho para este efeito. No momento, a realidade que nós vivemos exige naturalmente a construção de presídios, quando menos seja, para também retirar as condições convenhamos... desumanas, né? Em que os presos se acham a presídios que cabem 600 pessoas, com 1.600 pessoas”.

De acordo com o Plano Nacional de Segurança Pública, cada uma das regiões do país vai receber uma penitenciária com capacidade para duzentos e vinte presos de alta periculosidade. No total, serão investidos duzentos milhões de reais para a construção dos cinco presídios.

 

Reportagem, Cintia Moreira para o Portal Ternura FM 99,3

Agencia do Rádio Brasileiro de notícias


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Nacional e Internacional

mais notícias

Salvos da extinção, pandas continuam ameaçados
há 5 minutos atrás

Salvos da extinção, pandas continuam ameaçados

Salvos da extinção, pandas continuam ameaçados
Evaporação pode ser usada para produzir 70% da energia dos Estados Unidos, diz pesquisa
há 14 minutos atrás

Evaporação pode ser usada para produzir 70% da energia dos Estados Unidos, diz pesquisa

Evaporação pode ser usada para produzir 70% da energia dos Estados Unidos, diz pesquisa
Coreia do Norte teria mísseis capazes de derrubar aviões em raio de 150 km
há 24 minutos atrás

Coreia do Norte teria mísseis capazes de derrubar aviões em raio de 150 km

Coreia do Norte teria mísseis capazes de derrubar aviões em raio de 150 km
Menino de 5 anos morre após ser atingido por tendas durante ventania em MT
há 33 minutos atrás

Menino de 5 anos morre após ser atingido por tendas durante ventania em MT

Menino de 5 anos morre após ser atingido por tendas durante ventania em MT
Deputado do DF questiona artista sobre participação em mostra censurada por 'apologia à pedofilia'
há 52 minutos atrás

Deputado do DF questiona artista sobre participação em mostra censurada por 'apologia à pedofilia'

Deputado do DF questiona artista sobre participação em mostra censurada por 'apologia à pedofilia'