Hemonúcleo de Araraquara precisa de doadores de plasma sanguíneo que já tiveram Covid-19

Doação será utilizada para reforçar o tratamento de quem está enfrentando a doença, já que o componente tem anticorpos; veja como doar.

Compartilhe:

O Hemonúcleo de Araraquara (SP), em parceria com o Butantã e a Universidade de São Paulo (Unesp), está precisando de doadores de plasma sanguíneo que já tiveram a Covid-19 e estão curados há mais de um mês.

A cidade vive uma crise hospitalar com aumento de casos, internações e mortes. A variante brasileira do novo coronavírus pode ter relação com a alta, segundo a prefeitura. O município soma 15.085 casos, sendo 225 mortes. A taxa de ocupação de UTIs está 91%.

 

Tratamento experimental

O objetivo da doação é utilizar o plasma sanguíneo para reforçar o tratamento experimental de quem está enfrentando a doença no momento.

Quem já está curado há 30 dias tem o nível de anticorpos que é capaz de diminuir a carga viral de quem pegou a doença recentemente.

“Esse anticorpo vai agredir e diminuir a carga viral. Ao diminuir a carga viral, diminui as reações inflamatórias posteriores. Isso gera um benefício para o paciente que pegou a doença”, explicou o médico responsável pelo Hemonúcleo, Reinaldo Bonfá.

A técnica já vem sendo utilizada em vários países, como os Estados Unidos e o Reino Unido. No Brasil, o Rio de Janeiro é pioneiro no tratamento, que também já é usado em Manaus. A Organização Pan-Americana da Saúde (Opas) afirma que a eficácia ainda não é comprovada.

 

Como doar?

A doação do plasma é igual a uma doação normal, com o pré-requisito de ter se curado há, no mínimo, um mês da Covid-19, se enquadrando, também, casos de contaminação mais antigos.

A pessoa interessada precisa fazer agendamento pelo telefone (16) 3301-6102, que também é WhatsApp. Além disso, é obrigatório manter o distanciamento social, usar máscara de proteção facial e álcool em gel durante a doação.

Já a pessoa que irá receber a transfusão precisa, necessariamente, estar no início da contaminação, até o 5º dia sintoma, mas sendo ideal o 3º e 4º dia, para a diminuição da carga viral ter uma melhor resposta.

 

 

Fonte: G1

Compartilhe:

Comentários (0)

silhueta de um avatar

Escreva seu cometário...

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Publicidade

Mais notícias sobre Regional

Ribeirão Bonito cria 'cesta básica emergencial' para ajudar pessoas prejudicadas pela pandemia

Ribeirão Bonito cria 'cesta básica emergencial' para ajudar pessoas prejudicadas pela pandemia

Ribeirão Bonito cria 'cesta básica emergencial' para ajudar pessoas prejudicadas pela pandemia

Polícia Civil apreende celulares em praça de Bauru; aposentado foi preso por receptação

Polícia Civil apreende celulares em praça de Bauru; aposentado foi preso por receptação

Kits merenda de Iacanga são entregues nesta quarta-feira (14) na escola José Ferraz

Kits merenda de Iacanga são entregues nesta quarta-feira (14) na escola José Ferraz

Deputado Federal Dr. Sinval Malheiros visita o Hospital São Sebastião

Deputado Federal Dr. Sinval Malheiros visita o Hospital São Sebastião

Mais notícias sobre Regional

Ribeirão Bonito cria 'cesta básica emergencial' para ajudar pessoas prejudicadas pela pandemia

Ribeirão Bonito cria 'cesta básica emergencial' para ajudar pessoas prejudicadas pela pandemia

Ribeirão Bonito cria 'cesta básica emergencial' para ajudar pessoas prejudicadas pela pandemia

Polícia Civil apreende celulares em praça de Bauru; aposentado foi preso por receptação

Polícia Civil apreende celulares em praça de Bauru; aposentado foi preso por receptação

Kits merenda de Iacanga são entregues nesta quarta-feira (14) na escola José Ferraz

Kits merenda de Iacanga são entregues nesta quarta-feira (14) na escola José Ferraz

Deputado Federal Dr. Sinval Malheiros visita o Hospital São Sebastião

Deputado Federal Dr. Sinval Malheiros visita o Hospital São Sebastião

Publicidade