Logo Portal Ternura
27/06 - IBITINGA-SP
° °

Polícia Civil prende chefe do tráfico na favela do Simioni em Ribeirão Preto

Outros 6 suspeitos foram presos em operação na manhã desta terça-feira. Câmeras eram usadas para monitorar segurança da quadrilha, diz delegado.


Sete pessoas foram presas, entre elas um homem apontado pela polícia como o gerente do tráfico de drogas na Favela do Simioni, durante uma operação da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE) na manhã desta terça-feira (18) em Ribeirão Preto (SP). Segundo a Polícia Civil, de uma das casas e com a ajuda de câmeras instaladas nas ruas, o suspeito monitorava toda a movimentação da venda de entorpecentes na comunidade e controlava a segurança da quadrilha.

A polícia deflagrou a Operação Sobek na manhã desta terça-feira, após nove meses de investigação. O nome, segundo a mitologia egípcia, está associado às virtudes da paciência e astúcia. Cerca de 115 policiais civis e militares foram mobilizados no cumprimento de oito mandados de prisão temporária e 12 de busca e apreensão. Um suspeito não foi localizado.

Os investigados responderão por crimes de associação criminosa armada, tráfico de drogas e associação para o tráfico. Somadas, as penas podem chegar a 28 anos de reclusão.

Policiais trabalham em operação para prender quadrilha de traficantes em Ribeirão Preto (Foto: Paulo Souza/EPTV)
Policiais trabalham em operação para prender quadrilha de traficantes em Ribeirão (Foto: Paulo Souza/EPTV)

Câmeras de segurança do crime
De acordo com o delegado da DISE Gustavo André Alves, o principal alvo da operação era o gerente da quadrilha, que dificultava até mesmo o trabalho da segurança pública na região.  

“Conseguimos durante a investigação identificar essa pessoa, identificar as pessoas que fazem a venda de drogas nos pontos de venda, nas chamadas biqueiras, e identificar as pessoas que fazem a segurança armada desses pontos de venda de drogas”, diz.

Na casa onde morava o suposto líder, a polícia achou um equipamento que monitorava e gravava imagens das ruas onde acontece a venda de drogas. “Foi encontrado um aparelho de DVR, que gravava imagens de três câmeras instaladas dentro da comunidade. Elas estavam voltadas para onde eles mantinham drogas guardadas, para os pontos de venda de droga.”

Alves explicou que a quadrilha recebia a droga e a preparava para a venda em imóveis dentro da favela a fim de manter a operação criminosa em segurança.

Para o delegado, as câmeras demonstram a ousadia da quadrilha, que tinha o controle da favela para praticar ações contra as polícias. As entradas da favela, que compreendem a rua Antonio Taveira de Miranda e a Avenida Magid Simão Trad, eram vigiadas. Desta forma, a qualquer aproximação da polícia, o gerente era avisado e homens armados se encarregavam de revidar a ação da segurança pública.

“Não temos dúvida de que é um dos principais pontos de venda de droga de Ribeirão Preto e região. Com a prisão dele [gerente], certamente, isso vai repercutir no tráfico aqui e servir como consequência na cidade”, diz o delegado.

Policiais civis e militares cumprem mandados de prisão na favela do Simioni, em Ribeirão Preto (Foto: Reprodução/EPTV)
Policiais civis e militares cumprem mandados de prisão na favela do Simioni (Foto: Paulo Souza/EPTV)

Comércio do tráfico
Segundo o major Valdemir Guimarães Dias, a Polícia Militar, que apoiou a operação com uso do helicóptero Águia e de cães farejadores, solicitou a colaboração da Prefeitura de Ribeirão para a fiscalização e a retirada de comércios clandestinos. Desde o início da operação, duas granadas, armas, cocaína e maconha foram apreendidas na favela.

“São usados como fachada [os comércios ilegais], principalmente nos finais de semana. Eles [traficantes] realizam determinados eventos utilizando-se desses bares e o tráfico fica fácil. Estamos fazendo um trabalho em conjunto com a prefeitura municipal para que possamos, aos poucos, diminuindo e dificultando a ação desses criminosos aqui nessa localidade”, afirma.

Policiais cumprem mandados de prisão na Favela do Simioni, na zona norte de Ribeirão (Foto: Paulo Souza/EPTV)
Policiais cumprem mandados de prisão na Favela do Simioni, na zona norte (Foto: Paulo Souza/EPTV)

Fonte: G1


Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
criar um comentário

Regional

mais notícias

Confusão após manifesto de funcionários da Prefeitura de Taquaritinga
há 13 horas atrás

Confusão após manifesto de funcionários da Prefeitura de Taquaritinga

Confusão após manifesto de funcionários da Prefeitura de Taquaritinga
Alesp lança Frente Parlamentar com debate sobre redução da violência
há 19 horas atrás

Alesp lança Frente Parlamentar com debate sobre redução da violência

Alesp lança Frente Parlamentar com debate sobre redução da violência
Urna de sorteito reuniu mais de 80 mil cupons
há 19 horas atrás

Urna de sorteito reuniu mais de 80 mil cupons

Urna de sorteito reuniu mais de 80 mil cupons
Casas são destruídas por incêndio em São Carlos
há 19 horas atrás

Casas são destruídas por incêndio em São Carlos

Casas são destruídas por incêndio em São Carlos
Casal usa filho para vender drogas em Dobrada, SP
há 19 horas atrás

Casal usa filho para vender drogas em Dobrada, SP

Casal usa filho para vender drogas em Dobrada, SP